Header Ads

Aprenda conceitos científicos complexos de forma rápida

 (Foto: Revista Galileu)

 

Era tarde da noite e o astrofísico Neil deGrasse Tyson salivava por um chocolate quente. Não pensou duas vezes: entrou em uma certa cafeteria de Pasadena, Califórnia, e fez o pedido. Isso foi alguns anos atrás, mas ele se lembra perfeitamente do que aconteceu em seguida. Pediu a bebida com chantilly, é claro.

Depois de alguns minutos esperando na mesa, chegou o tão desejado chocolate. Só que veio sem qualquer vestígio do chantilly. Indignado, Tyson chamou o garçom e reclamou. Então o moço, se achando muito perspicaz, assegurou que o creme não podia ser visto porque havia escorregado para o fundo do copo. Mal imaginava o rapaz que a desculpa nunca colaria. Não com alguém como Neil deGrasse Tyson. O chantilly jamais poderia afundar — e o astrofísico sabia muito bem disso.

Toda aquela cremosidade que desmancha na boca se deve justamente ao fato de ele ter baixa densidade. E coisas pouco densas flutuam em todos os líquidos que os humanos consomem. Tyson cravou duas explicações.

Leia também:
+ 11 fatos que você não conhecia sobre o seu próprio corpo
+ 7 vídeos absolutamente inspiradores sobre o cosmos

“Ou alguém se esqueceu de adicionar chantilly ao meu chocolate, ou as leis universais da física são diferentes em seu restaurante”, escreve em seu mais novo livro, Astrophysics for People in a Hurry (Astrofísica Para Quem Tem Pressa, em tradução livre), lançado no início de maio nos Estados Unidos e com lançamento no Brasil previsto para agosto, pela Editora Planeta.

Não convencido, na esperança de demonstrar o que dizia, o garçom trouxe um punhado de chantilly e o jogou na bebida. O creme oscilou uma vez, duas, e então se estabilizou suavemente na superfície.

“De que prova melhor da universalidade das leis da física você precisa?”, arremata o astrofísico, prova viva de que uma noção mesmo que básica dessas leis pode ser empoderadora no dia a dia, fornecendo ferramentas para confrontar pessoas cheias de si.

Leia a reportagem de capa da edição de julho (312) para aprender de um jeito divertido e didático tópicos de astrofísica, física quântica, física de partículas, química, geologia, neurociência e computação. Para ler o texto completo, baixe o app para ler a edição no seu celular ou assine a revista a partir de R$ 4,90.

Nenhum comentário

-Antes de sair lembre-se de COMENTAR nós damos muito valor a opinião do leitor(você)
-Críticas e elogios serão aceitos para que possamos melhorar cada vez mais.
-Diga com suas propias palavras
-Não use palavras de baixo calão

BOM AGORA QUE JA LÊU JA PODE COMENTAR!
Diga oque voce achou dessa publicação?

Tecnologia do Blogger.