Header Ads

CEO do Uber se afasta do cargo por tempo indeterminado

Vivendo uma crise sem precedentes, o Uber viu tantos executivos pedirem demissão e outros tantos funcionários serem demitidos nos últimos meses que uma pergunta ficou no ar: quando o nome mais forte da companhia cairá? Pois bem, esse dia chegou. Nesta terça-feira (13), Travis Kalanick anunciou o seu afastamento do cargo de CEO do Uber por tempo indeterminado.

Travis Kalanick

Travis Kalanick

Ainda que a queda do executivo não resolva a fase conturbada do Uber, a notícia pode trazer algum alívio para investidores e o mercado. Kalanick esteve envolvido em várias polêmicas que fizeram o Uber ceder a imagem de empresa inovadora para a imagem de uma companhia que “joga sujo”.

Kalanick foi acusado, por exemplo, de ter colaborado com o suposto roubo de tecnologia de carro autônomo do Google, que culminou na demissão de Anthony Levandowski, líder do projeto no Uber. O executivo também teria demorado para tomar decisões enérgicas a respeito de denúncias de assédio que funcionários teriam entregado ao RH da companhia, principalmente no caso da engenheira de software Susan Fowler.

Também teria sido Kalanick o principal incentivador do Hell, um sofisticado software usado para espionagem da rival Lyft. Mas o maior escândalo, provavelmente, foi o bate-boca do CEO com um motorista do UberBlack que reclamava de baixa remuneração no serviço — por estar na posição de líder do Uber, era esperado que Kalanick escutasse as queixas em vez de rebatê-las prontamente.

Travis Kalanick

Travis Kalanick

Uma sequência de problemas como essa é suficiente para derrubar qualquer executivo, mas, em carta direcionada aos funcionários do Uber, Travis Kalanick afirma que a decisão de se afastar da companhia tem unicamente motivações pessoais: o executivo perdeu a mãe recentemente em um acidente de barco; além disso, seu pai estava na mesma embarcação e permanece internado em um hospital em estado grave.

No mesmo comunicado, Kalanick afirma que está trabalhando para construir um “Uber 2.0”, mas que só conseguirá fazer isso se trabalhar também um “Travis 2.0”. “Perder um ente querido de forma trágica tem sido muito difícil e eu preciso dizer adeus da forma apropriada”, completou.

Como o afastamento é por tempo indeterminado, o Uber terá que estudar bem a escolha do novo CEO. O anúncio deve ser feito em breve. Um dos nomes cogitados para o posto é o de Garrett Camp, que fundou o Uber junto com Kalanick.

Com informações: TechCrunch

CEO do Uber se afasta do cargo por tempo indeterminado

Nenhum comentário

-Antes de sair lembre-se de COMENTAR nós damos muito valor a opinião do leitor(você)
-Críticas e elogios serão aceitos para que possamos melhorar cada vez mais.
-Diga com suas propias palavras
-Não use palavras de baixo calão

BOM AGORA QUE JA LÊU JA PODE COMENTAR!
Diga oque voce achou dessa publicação?

Tecnologia do Blogger.