Header Ads

Mahershala Ali sobre ser afro americano: “É como ser o filho que sofreu abuso”

Mahershala Ali está todo lindo estampado a última capa da americana GQ. Mas o clima solar do photoshoot não impediu que assuntos espinhosos fossem trazido à tona no perfil escrito pelo jornalista Carvell Wallace.

O ator, vencedor do Oscar de melhor ator por “Moonlight”, é negro e islâmico. Ele se converteu para a religião em 1999, depois de visitar uma mesquita com Amatus Sami-Karim, que viria a ser sua esposa e mãe de sua recém-nascida filha. O seu primeiro nome, Mahershalalhashbaz, tem origem hebraica, enquanto o sobrenome, Ali, é de origem árabe — o que fez com que ele fosse parar numa lista de suspeitos de terrorismo pós-11 de setembro.

 

 

Ele não teve medo de fazer comentários duros sobre o que é ser um afro-americano.

“Eu acho que afro-americanos têm uma relação muito conturbada cocm o patriotismo”, explicou. “O fato é que nós somos, essencialmente, crianças que foram abusadas. Nós ainda amamos os pais, mas não podemos ignorar o fato de que tivemos uma relação muito conturbada com eles. Eu absolutamente amo este país, mas como muitas pessoas, tenho algumas dúvidas e preocupações reais sobre como as coisas rolaram ladeira a baixo com o passar dos anos e onde nós estamos. E isso vindo de um lugar de amor, porque eu quero que este país seja o que ele diz ser no papel”.

Ali também conta de episódios em que foi vítima de racismo, indo de ser perseguido em uma Barneys a notar pessoas escondendo jóias de valor quando ele entrava no metrô. “São essas experiências que você começa a ter a partir dos dez anos, quando você passa a perceber essas pequenas mensagens de que você é algo a ser temido”.

 

O post Mahershala Ali sobre ser afro americano: “É como ser o filho que sofreu abuso” apareceu primeiro em PAPELPOP.

Nenhum comentário

-Antes de sair lembre-se de COMENTAR nós damos muito valor a opinião do leitor(você)
-Críticas e elogios serão aceitos para que possamos melhorar cada vez mais.
-Diga com suas propias palavras
-Não use palavras de baixo calão

BOM AGORA QUE JA LÊU JA PODE COMENTAR!
Diga oque voce achou dessa publicação?

Tecnologia do Blogger.