Header Ads

Templo da civilização asteca é encontrado no México

 (Foto: Reprodução/O Globo)

 

Há 32 anos, um terremoto fez com que um hotel desmoronasse no centro da Cidade do México. O colapso revelou uma surpresa: abaixo da estrutura estavam as ruínas de um templo e um campo esportivo do século 15. A cidade corresponde ao território que um dia foi Tenochtitlán, a capital do Império Asteca, e tem muitas histórias para contar. 

Com a forma de um semi-círculo e uma base retangular, o templo tem cerca de 34 metros de comprimento e quatro de altura. Ali eram feitas oferendas para Ehecatl Quetzalcoatl, deus asteca do vento, em troca de boas colheitas e sucesso.

De acordo com a mitologia, a divindade controlava as direções do vento e tinha a capacidade de mudar as estações, além de trazer amor para a humanidade. 

Já o campo foi o centro de várias atividades e competições entre os astecas. Acredita-se que uma delas, realizada em 1528, tenha sido assistida pelo espanhol Hernán Cortés, que veio a conquistar o Império Asteca. O local também foi o cenário do que parecem ser sacrifícios humanos: em um poço, os arqueólogos encontraram 32 conjuntos de ossos cervicais. 

"A descoberta para a qual estamos olhando nos dá a chance de mergulharmos no esplendor da cidade pré-hispânica de Tenochtitlán", disse a ministra da cultura Maria Cristina Garcia. O trabalho de escavações demorou sete anos para ser concluído. 

(Com informações do The Telegraph e Daily Mail)

Leia também:
+ Pingente pode desvendar mistérios que cercam o fim da civilização maia
+ Tumbas secretas podem mudar a história dos maias como a conhecemos

Nenhum comentário

-Antes de sair lembre-se de COMENTAR nós damos muito valor a opinião do leitor(você)
-Críticas e elogios serão aceitos para que possamos melhorar cada vez mais.
-Diga com suas propias palavras
-Não use palavras de baixo calão

BOM AGORA QUE JA LÊU JA PODE COMENTAR!
Diga oque voce achou dessa publicação?

Tecnologia do Blogger.