Header Ads

10 Explicações psicológicas sobre atos do nosso cotidiano. Você ficará surpreso!

A psicologia humana é realmente complicada e cheia de nuances, mas aos poucos, os estudiosos estão conseguindo detectar e explicar alguns comportamentos, algo, no mínimo, curioso. Confira:

1 – Efeito de ancoragem

O efeito de ancoragem é um viés cognitivo que descreve a comum tendência humana para se basear de forma intensa, ou de se “ancorar”, a uma característica ou parte da informação recebida durante o processo de tomada de decisão, ou seja, é a dificuldade de alguém em se afastar da influência de uma primeira impressão. É algo que acontece, por exemplo, quando você vê o preço de um produto acompanhado do seu suposto “valor  real anterior” e você acha que estará fazendo um bom negócio ao adquirir aquele item.

2 – Deflexão ao resultado

Uma expressão complicada para algo muito corriqueiro: a capacidade que nós temos de julgarmos corretas as ações baseadas na sua finalidade. Ou seja, se na sua mente você acredita que precisa de um iPhone novo, o fato de ter que usar todo o seu salário para comprá-lo pouco importa, mesmo que esse dinheiro venha a fazer falta para comprar coisas como comida ou remédios. Muitos anúncios fazem você focar só na compra de um produto, por exemplo, e fazem você ignorar o resto.

3 – O paradoxo da escolha

O paradoxo de escolha diz que quanto mais escolhas existem, menor a chance de ficarmos felizes com a escolha final. Lembre-se: às vezes, você compra alguma coisa e depois se arrepende porque você poderia ter comprado outra coisa, ou outro modelo da mesma coisa… Mesmo que a decisão final seja a melhor, podemos ficar infelizes porque a escolha era muito grande.

4 – Ilusão de agrupamento

Essa ilusão é caracterizada pela tendência de ver um certo sistema em coincidências aleatórias. É muito comum encontrar pessoas que não acreditam em coincidências e que acham que há sentido em tudo o que acontece e, de fato, elas acabam encontrando respostas e teorias estranhas para cada um daqueles eventos e seus significados. Você também já agiu assim! Vai dizer que nunca teve um sonho estranho e achou que deveria jogar na mega sena?

5 – Efeito Pratfall

Imagine um casal andando pela rua, e um deles, de repente, dá de cara com um poste. É improvável que o outro pense “que idiota!”, muito pelo contrário! O primeiro parecerá ainda mais carinhoso ou atencioso. É porque a perfeição nos seres humanos tende a ser repulsiva, e os erros são atraentes – eles nos tornam mais humanos e nos aproximam! Na era digital, esse efeito explica muito o porquê de personalidades como Whinderson Nunes, Thaynara OG, entre outros, sejam tão populares: eles são considerados “pessoas simples” que, no final das contas, significa que eles são como a maioria de nós, pessoas com dias bons, dias ruins, que nem sempre estão bonitos ou apresentáveis. Isso é extremamente relacionável, pois “humaniza” as pessoas.

6 – Efeito Kuleshov

Ocorre quando, um visualizador, depois de ver dois quadros não relacionados, cria inconscientemente uma conexão lógica para eles. Este efeito é usado com sucesso não apenas entre os cinematógrafos, mas também entre os comerciantes, inculcando em você certas associações com um determinado produto ou personagem. Por exemplo, nas imagens acima, você pode entender que o homem à direita envenenou o da esquerda, mas não há nada naquelas imagens que comprove isso!

7 – “Corpo negativo”

É uma condição em que uma pessoa acha que que é feia, e é por isso que sua vida pessoal é um fiasco. E toda a sua vida é um fiasco. Na maioria das vezes, essas pessoas são atraentes e o problema é mais sobre auto-estima do que falhas reais.

8 – Propensão à sobrevivência

Na maioria das vezes, julgamos uma situação apenas pelas pessoas bem-sucedidas (“sobreviventes”), e é por isso que sabemos apenas um lado da história. Por exemplo: invejamos um empresário que ficou rico vendendo frutas, mas simplesmente não sabemos quantos falharam fazendo o mesmo. Olhe para coisas de diferentes ângulos.

9 – Efeito do “difícil de alcançar”

Nós tendemos a idolatrar tudo aquilo que é difícil de alcançar, pois acreditamos que seja mais valioso. Isso é explicado, por exemplo, quando você tem aquela quedinha por aquela pessoa que você tem quase certeza que nunca vai ligar pra você.

10 – O medo da beleza

Você já notou que pessoas “comuns” são menos propensas a sentar-se ao lado de pessoas bonitas (por exemplo, em transportes públicos)? Elas apenas se sentarão se não  existirem outros lugares vagos – às vezes, nem assim! O fato é que algumas pessoas sentem tensão excessiva ao lado de pessoas bonitas: excitação, controle excessivo sobre suas próprias ações, medo da comparação, medo de serem pegos dando aquela espiadinha na pessoa ao lado. Esse estresse não ocorre ao lado de uma pessoa comum.

O post 10 Explicações psicológicas sobre atos do nosso cotidiano. Você ficará surpreso! apareceu primeiro em Tudo Interessante.

Nenhum comentário

-Antes de sair lembre-se de COMENTAR nós damos muito valor a opinião do leitor(você)
-Críticas e elogios serão aceitos para que possamos melhorar cada vez mais.
-Diga com suas propias palavras
-Não use palavras de baixo calão

BOM AGORA QUE JA LÊU JA PODE COMENTAR!
Diga oque voce achou dessa publicação?

Tecnologia do Blogger.