Header Ads

6 dicas para ter uma vida mais saudável

 (Foto: Pixabay)

 

Julia Hobsbawn nasceu em 1964 e é filha do grande historiador Eric Hobsbawn. Em seu novo livro, Fully Connected: Surviving & Thriving in an Age of Overload (Totalmente Conectado: Sobrevivendo e Prosperando em uma Era de Sobrecarga, em tradução livre), sem previsão de publicação no Brasil, ela aborda como viver uma vida saudável longe de sobrecargas e da vida caótica das redes sociais.

Confira seis dicas da especialista sobre o assunto:

Caixa de entrada e saída
A bagunça na caixa de entrada do seu e-mail é a inimiga do pensamento produtivo. Limpar a sua caixa de entrada semanalmente é essencial. Segundo a autora, não significa fazer tudo o que está lá, mas poder ter uma noção e delegar o que precisa ser feito, decidir quando realizar as tarefas, ou até mesmo deletar e excluir e-mails que só estão fazendo volume. Dica de ouro: crie subpastas, como "leia o mais rápido possível", "mantenha o arquivo" e "responda com urgência", e ficará surpreso com o quanto as coisas ficarão mais fáceis.

Shabat tecnológico
Ter saúde significa saber dizer “não” ou “agora não”. Uma dica de Hobsbawn é se manter um pouco distante do celular: não é necessário responder todas as mensagens após alguns minutos se não for urgente. Também é legal tirar um dia de descanso da tecnologia, configurando o telefone para que ele permita mensagens e ligações de pessoas muito próximas. O resto pode esperar.

Hierarquia da comunicação
Manter contato virtual com os amigos é uma ótima forma de ter uma vida social saudável, mas não é a única. Sair da internet faz bem para a saúde. Se relacionar pelo Facebook ou pelo Whatsapp está na categoria mais baixa da hierarquia da comunicação: o ideal é ter um contato cara a cara, vagaroso e proveitoso. Isso as redes sociais não podem te dar pois, de acordo com a especialista, é dessa forma que se criam laços de alta qualidade e confiança.

Confira também:
+ 3 aplicativos gratuitos que vão ajudar a controlar a sua ansiedade
+ Burnout: você pode estar sofrendo da síndrome da exaustão

Painel de conhecimento
Como você se informa? Fica só nas redes sociais e nos mesmo meios de comunicação? Esse não é o ideal. O que deve ser feito é uma “dieta informacional” variada, ou seja, é essencial consumir informações de vários veículos e de diferentes formas, como pela TV, pelo rádio, por livros e até podcasts. Tenha um “menu” que não apenas reforça o pensamento de massa.

Não fazer nada é o novo prestar atenção em tudo
É muito difícil se desconectar do mundo ao nosso redor, mas é importante para poder relaxar e abrir espaço para a criatividade e a clareza. Hobsbawn recomenda prestar atenção ao que está ao seu redor. Desconecte-se de tudo por cinco minutos e perceba o que está à sua volta como se fosse um turista.

Pensamento hexagonal
O pensamento hexagonal é um estilo de vida, então você pode personalizar o seu. O que importa é desenvolver uma forma, um padrão e um estilo para gerenciar seu conhecimento, suas redes e sua saúde e manter a sobrecarga em questão. Quando você se sentir descansado e mais no controle, planeje os próximos seis dias, ou seis semanas, ou seis projetos tentando realizar seus planos, sempre se colocando como prioridade.

(Com informações de World Economic Forum.)

Leia mais:
Brasileiros de Harvard criam clube para ensinar ciência a jovens
Desigualdade faz mal à saúde

Nenhum comentário

-Antes de sair lembre-se de COMENTAR nós damos muito valor a opinião do leitor(você)
-Críticas e elogios serão aceitos para que possamos melhorar cada vez mais.
-Diga com suas propias palavras
-Não use palavras de baixo calão

BOM AGORA QUE JA LÊU JA PODE COMENTAR!
Diga oque voce achou dessa publicação?

Tecnologia do Blogger.