Header Ads

Como quem dorme no ônibus sabe (quase sempre) quando acordar?

Mulher bela dormindo o ônibus ou trem (Foto: Flickr/ Nicolas Alejandro)

 

Tirar uma soneca no ônibus ou no trem e acordar no ponto exato para descer não é mágica, dom nem mesmo milagre. A explicação para esse feito está no cérebro, que consegue reconhecer exatamente quando é, em espaço e tempo, a hora de despertar.

Nos Estados Unidos, dois pesquisadores vêm buscando as razões pelas quais isso acontece: o especialista em cuidados básicos de saúde Marc I. Leavey e o neurologista e diretor do Centro de Medicina de Distúrbios do Sono de Michigan, Ronald Chervin.

A primeira hipótese, levantada por Leavey, é que o relógio interno de seu corpo está sincronizado com o ponto de parada. Como? Da mesma maneira com que você se acostuma a acordar um determinado horário todos os dias, o seu organismo se habitua com a duração do trajeto e da soneca. É assim que você consegue levantar e não passar do ponto.

No entanto, isso só é possível se você pega o transporte público na mesma hora diariamente. Ou seja, caso você ou seu ônibus se atrase, é provável que você não acorde. “Seu corpo está apto a aprender uma rotina desde que seja uma rotina”, ressaltou Leavey.

Chervin, entretanto, não acredita totalmente nesta teoria. Para ele, a explicação desse “fenômeno” está no ritmo circadiano — período de 24 horas sobre qual se baseia o relógio biológico de vários seres vivos, que regula seus organismos e seus funcionamentos e pode sofrer alterações por interferência do exterior, como sons.

De acordo com Chervin, o cérebro não desliga totalmente durante o sono, sendo despertado por determinados estímulos. Dessa maneira, os anúncios das paradas, a música, a voz do condutor ou até um barulho de fora do veículo que indiquem o local exato da descida são considerados sinais de despertar.

Outra tese levantada pelo neurologista é que você acorda a cada ponto para verificar se é o destino final e logo volta a dormir, sem que o cérebro tenha tempo para processar a experiência e registrá-la na memória. Chervin sustenta a ideia após encontrar essa situação em diversos casos de pacientes que sofrem de apneia do sono. Algumas pessoas observadas pelo cientistas acordaram mais de 200 vezes por noite e não lembraram disso pela manhã porque logo voltaram a dormir. 

Bela Adormecida
Apesar dos pontos (opa, não são os de ônibus) levantados acima, nem todo mundo tem esse controle. É possível que seu corpo não esteja preparado para despertar naquele momento ou você está dormindo muito profundamente.

“Se você está no sono REM [fase em que ocorrem os sonhos mais realistas, que os olhos se movem rapidamente e que a atividade cerebral é similar à de quando estamos ativos], é muito mais difícil de acordar”, fala Leavey. O ideal é tirar uma soneca de 18 minutos, visto que mais de 20 minutos podem te levar a esse sono mais profundo e te deixar mais desorientado ou cansado.

Além disso, quem não dorme o suficiente à noite também pode enfrentar problemas. “Aqueles que têm mais privações de sono que outros poderão cair em estágios profundos com mais rapidez e terão dificuldade para acordar num horário designado”, completa Chervin.

Alerta
Para Chervin, cair no sono no ônibus ou trem não é necessariamente uma coisa boa, independentemente de você acordar antes ou não da parada. “Se você está cochilando no minuto que senta, é provável que você tenha alguma coisa de errado na saúde do sono.” Tente ficar mais tempo na sua cama e bons sonhos!

(Com informações de Science of Us)

Leia também
+ Aprenda 7 dicas cientificamente comprovadas para dormir melhor
Dormir até tarde nos fins de semana pode fazer mal para a sua saúde

Nenhum comentário

-Antes de sair lembre-se de COMENTAR nós damos muito valor a opinião do leitor(você)
-Críticas e elogios serão aceitos para que possamos melhorar cada vez mais.
-Diga com suas propias palavras
-Não use palavras de baixo calão

BOM AGORA QUE JA LÊU JA PODE COMENTAR!
Diga oque voce achou dessa publicação?

Tecnologia do Blogger.